Constituir base é problema do governo, diz Lira

 Arthur Lira respondeu a críticas de Gleisi Hoffman (PT-PR)

Brasília (DF) 23/03/2023 Presidente da Câmara dos deputados, Arthur Lira, durante coletiva a imprensa no salão verde da Câmara - Lula Marques - Agência Brasil

O que não falta são desdobramentos sobre a tramitação das pautas econômicas apreciadas pela Câmara dos Deputados. Insatisfeita com a ausência de apoio de Lira sobre a taxação de offshores no escopo da Medida Provisória do salário-mínimo, a presidente do PT, deputada Gleisi Hoffman (PT-PR), foi ao twiter dizer que o presidente Arthur Lira (PP-AL) não pode transformar deliberações “em queda de braço com o governo, porque todos vão sair perdendo, exceto os super ricos que não pagam imposto”.

Lira tanto recebeu o recado que respondeu, em coletiva de imprensa, dizendo que a votação, sobre a taxação dos fundos, reclamada por Gleisi deve ser feita “de maneira organizada para que a gente não tenha corrosão de base”. E prosseguiu: “Não havia combinação para o aporte de uma Medida Provisória sobre a outra (offshores sobre salário-mínimo). Não é possível se fazer dessa maneira”, exortou.

O presidente do parlamento aproveitou para advertir sobre a MP que trata de mudanças nos créditos de vale-refeição e vale-alimentação, que deve caducar por falta de acordo na Casa.  “Torcemos para que o governo constitua sua base, mas como eu venho dizendo, isso é problema do governo”.

Diário do Poder 

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem